Suave, gentil, delicado, cuidadoso. Tudo que faz sucesso na moda de hoje é confortável, é gostoso de usar. Isso, naturalmente, tem a ver com o contexto que pede calma, tem a ver com roupas e atitudes que nos ajudam a manter o equilíbrio, a presença de espírito, a nova rotina. A vida não vai mudar de uma hora para outra. Ela vai seguir devagar e sempre, dentro de uma nova realidade, que precisará de cuidado na análise, respeito às condições alheias e a todo o tipo de contato com o outro. Atualizar-se agora significa incentivar o consumo local, o designer nacional, o trabalho criativo e autoral, de quem tem sensibilidade e consciência. Inclua suavidade na maneira de vestir. Você vai ver, isso lhe fará bem. Inclua delicadeza no trato. E mantenha-se presente. Entregue-se ao presente!

por Costanza Pascolato

O Shop2gether interpretou a moda como um reflexo desse momento em 4 grandes movimentos.

Generosidade

Este é um momento de laços comunitários, uma troca equilibrada em busca do bem-estar. Apoiar o comércio local e artesãos passa a ser prioridade e a responsabilidade socioambiental vira uma questão de ordem para a moda. Dentre os itens-chave que representam esse momento estão as produções artesanais como o crochê e o bordado. Matérias-primas como a madeira e a palha também integram essa tendência, assim como estampas étnicas e campestres que remetem à valorização da simplicidade.

Positividade

Depois de uma temporada de reclusão, é tempo de olhar para frente de forma positiva e manter a esperança em alta. Pense em uma roupa vibrante que traz energia no ato. É disso que se trata esse movimento da moda que prioriza peças impactantes, divertidas e ousadas. A graça está no jogo de proporções, que une minissaias atrevidas a botas longas, tops arquitetônicos com mangas poderosas a acessórios de correntes.

Acolhimento

Em tempos em que a casa se transforma em hub no qual é possível trabalhar, descansar e se divertir, a moda se adapta oferecendo peças versáteis e confortáveis, que priorizam a gentileza e sensação de acolhimento ao vestir. A roupa para viver e sair passa a ser uma só: peças que antes eram exclusivas de casa ganham versões sofisticadas para saírem às ruas. Prova disso são os pijamas de seda, camisolas e lingeries que saem do quarto para o asfalto. A alfaiataria agora está mais larga, mais comprida e mais relaxada. Paletós oversized, camisas extra large e calças folgadas surgem deixando tudo mais à vontade.

Resguardo

Não dá para negar: depois da pandemia, o mundo mudou. Para sair de casa agora, é preciso se proteger. Cuidar de você também é um cuidado com o próximo. Isso também é refletido nas roupas: não à toa, elas passam a oferecer uma sensação de resguardo. Peças esportivas confeccionadas com matérias-primas resistentes, multiplicam-se nas vitrines digitais. Coturnos inspirados no universo militar viram curingas da temporada, complementando os mais diversos tipos de looks. Peças utilitárias com bolsos grandes e funcionais também dominam o cenário urbano com a volta da calça cargo e os macacões que lembram uniformes.

Para eles

Confira as novidades